Alimentação dos gatos
    Animais     Gatos     Os gatos     Alimentação dos gatos
 
   Cães
   Cães
   Raças de cães
   Cuidados e alimentação

   Gatos
   Os gatos
   Alimentação dos gatos
   Cuidados de gatos
   Gatos pretos
   Imagens de gatos
   Raças de gatos

   Cavalos
   Os cavalos
   Raças de cavalos

   Mamíferos
   Coelhos
   Elefantes
   Esquilos
   Hamsters
   Lobos
   Macacos
   Morcegos
   Ursos

   Mamíferos marinhos
   Baleias
   Focas
   Golfinhos
   Orcas

   Felinos
   Leões
   Leopardos
   Linces
   Tigres

   Répteis
   Crocodilos
   Iguanas
   Serpentes
   Tartarugas

   Mundo marinho
   Peixes
   Tubarões

   Aves
   Águias
   Pássaros
   Pinguins

   Insectos
   Borboletas
   Formigas

   Animais
   Animais famosos
   Cuidados de animais
   Curiosidades sobre animais

   Imagens
   Desenhos
   Fotos
   Fundos de Ecrã
   Imagens graciosas
   Gifs animados


Alimentação dos gatos
65

Alimentação dos gatosPara os gatos domésticos, uma dieta bem equilibrada é básica para o seu desenvolvimento e crescimento. As necessidades nutritivas variarão segundo a idade e condições dos animais.
Assim, um cachorro não poderá comer o mesmo que um gato adulto. Nos meses seguintes após desmamar, ao mês e meio de vida, são de muita importância para a saúde do gatinho.

De resto, a etapa de amamentar é fundamental para um bom comportamento do gato que será mais dócil e carinhoso do que os gatos alimentados a biberão. Se a mãe não pode dar-lhe leite, devemos comprar leite em lojas especializadas, que seja o mais parecido com o da mãe, nunca dar-lhe leite de vaca.

Por norma geral, não devem alimentar-se com as sobras da comida que fazemos para nós porque não terão as vitaminas nem os aminoácidos necessários para a sua dieta. Devido ao seu desenvolvido sentido de olfacto, os odores têm um papel fundamental na sua alimentação.

A consistência da comida também é relevante para estes animais, que deverá ser fundamentalmente seca. Para dar-lhes algum medicamento, recomenda-se comida mais leve. A cada dia que passa existem alimentos mais específicos, elaborados por especialistas, tendo em conta muitos factores como a idade, a fisionomia, o momento de vida do gato, etc.

Com respeito às comidas de lata, não devemos despreocupar-nos pois nem todas contêm os mesmos ingredientes que estão na composição. Há que ter em conta que os gatos são animais carnívoros e a ideia de só gostarem de peixe e não de carne não tem nenhum fundamento.

Tal como nas pessoas, as vitaminas são essenciais para uma boa dieta destes felinos. Contêm muitos alimentos mas, para os gatos em especial, as que estão presentes em alimentos de origem animal são melhores pois absorvem mais facilmente. A vitamina A, presente no fígado é boa para a pele e para a visão. A vitamina B ajuda na assimilação das proteínas, etc. De qualquer forma, deves sempre consultar especialistas para administrarem vitaminas artificialmente.

As calorias que um gato gasta vai depender do seu peso e da sua idade principalmente. As etiquetas dos produtos podem-nos dar informações relevantes neste aspecto. Quando a doces, não lhes podemos dar nada com açúcar nem chocolate. Existem produtos em lojas de animais criados para este fim. Em resumo, dizemos que os alimentos de origem animal que os gatos podem comer são basicamente peixe e carne.

O peixe tem de ser cozido antes de ser dado ao nosso gato. Menos importante para a alimentação dele está o arroz, leite, verduras e derivados lácteos. As salsichas cozidas são muito apreciadas pelos gatos, mas devemos evitar as curadas.

Imprimir artigo Enviar artigo
Tags:   gatos
Contacto MundoEntrePatas.com. O teu portal sobre os animais: cães, gatos, esquilos, coelhos, hamsters...
Condições de uso